terça-feira, 4 de março de 2008

Concessionárias terão 10 anos para esconder fiação

O projeto do deputado Paulo Ramos (PDT) que estipula o prazo de dez anos para que concessionárias de energia e de telefonia substituam as redes aéreas por instalações subterrâneas no Estado, foi aprovado ontem no plenário da Alerj.

De acordo com Paulo Ramos, a intenção é garantir a segurança da população e conservar o mobiliário urbano. "A alteração evita riscos de acidentes e ainda deixa a nossa cidade mais bonita", disse.

O projeto da Alerj recebeu duas emendas. Uma define prazo de um ano para a adaptação dos projetos já aprovados, e a outra veda o repasse dos custos para o usuário.

Um comentário:

Morales disse...

Sinceramente não acredito que tal prazo seja atendido. As concessionárias vão enrolar, enrolar e nada vai acontecer.